(21) 97686-7636

Oscar 2020: Confira os vencedores na premiação

O Oscar surpreendeu ao entregar seu principal prêmio, de melhor filme, para o sul-coreano Parasita. Grande vencedor da noite, a produção levou quatro estatuetas. “Vou beber muito essa noite”, brincou o diretor Bong Joon-Ho em uma das muitas vezes que subiu ao palco. Já outro favorito, o longa de guerra 1917, fechou a noite com três prêmios em categorias técnicas. Confira abaixo a lista completa de vencedores.

 

 

Melhor filme

Fazendo história no Oscar, o filme de Bong Joon Ho que apresenta um retrato duro sobre as relações sociais no capitalismo é o primeiro filme estrangeiro a vencer a categoria principal da noite.

 

 

Parasita – VENCEDOR
O Irlandês
Adoráveis Mulheres
Era Uma Vez em… Hollywood
História de um Casamento
1917
Coringa
Ford vs Ferrari
Jojo Rabbit 

 

 

 

 

 

Melhor atriz

Com um retorno triunfal para os cinemas, Renée Zellweger recebeu sua segunda estatueta na categoria pelo papel de Judy Garland, a estrela de “O Mágico de Oz”, no filme “Judy”

 

 

 

 

Renée Zellweger, por Judy – Muito além do Arco-Íris – VENCEDORA
Saoirse Ronan, por Adoráveis Mulheres
Charlize Theron, por O Escândalo
Scarlett Johansson, por História de um Casamento
Cynthia Erivo, por Harriet

 

 

 

 

 

 

Melhor ator 

Recebendo sua primeira estatueta após 4 indicações, Joaquin Phoenix é o segundo ator a levar um dos principais prêmios da noite por interpretar Coringa – em 2009, Heath Ledger recebeu o prêmio de ator coadjuvante pela sua interpretação do personagem em “Batman: O Cavaleiro das Trevas”.

 

 

 

Joaquin Phoenix, por Coringa – VENCEDOR
Antonio Banderas, por Dor e Glória
Leonardo DiCaprio, por Era Uma Vez em… Hollywood
Adam Driver, por História de um Casamento
Jonathan Pryce, por Dois Papas

 

 

 

 

 

 

Diretor

Com a única indicação da premiação, a cinebiografia musical de Elton John recebeu a estatueta por melhor música original. John subiu ao palco com Bernie Taupin, seu parceiro musical de longa data, para receber o prêmio.

 

 

 

Bong Joon-Ho, por Parasita – VENCEDOR
Martin Scorsese, por O Irlandês 
Sam Mendes, por 1917
Todd Phillips, por Coringa
Quentin Tarantino, por Era Uma Vez em… Hollywood

 

 

 

 

 

 

Melhor ator coadjuvante 

Por seu papel no longa de Quentin Tarantino, “Era uma Vez em… Hollywood”, Brad Pitt foi quem recebeu a primeira estatueta da noite. Interpretando o dublê Cliff Booth, essa é a segunda indicação e a primeira vitória do ator na categoria. Em 1996, foi indicado por “Os Doze Macacos”, mas acabou perdendo para Kevin Spacey por “Os Suspeitos”.

 

 

 

Brad Pitt, por Era Uma Vez em… Hollywood – VENCEDOR
Joe Pesci, por O Irlandês
Al Pacino, por O Irlandês
Anthony Hopkins, por Dois Papas
Tom Hanks, por Um Lindo Dia na Vizinhança

 

 

 

 

 

 

Melhor atriz coadjuvante 

Interpretando Nora Fanshaw, Laura Dern termina a temporada com saldo positivo: além do Oscar, a atriz também recebeu o prêmio de atriz coadjuvante em eventos como o SAG, o Critic’s Choice e o Globo de Ouro.

 

 

 

Laura Dern, por História de um Casamento – VENCEDORA
Scarlett Johansson, por Jojo Rabbit
Florence Pugh, por Adoráveis Mulheres
Margot Robbie, por O Escândalo
Kathy Bates, por O Caso Richard Jewell

 

 

 

 

 

 

 

Melhor filme internacional

O segundo prêmio da noite para “Parasita” era um dos mais esperados. O longa é o primeiro sul-coreano a vencer a categoria, fazendo assim história na premiação.

 

 

Parasita (Coreia do Sul) – VENCEDOR
Corpus Christi
 (Polônia)
Honeyland (Macedônia do Norte)
Os Miseráveis (França)
Dor e Glória (Espanha)

 

 

Roteiro original

O longa de Bong Joon Ho, o primeiro filme sul-coreano a receber uma indicação na categoria de Melhor Filme, recebeu a primeira estatueta da noite por roteiro original. Inteiramente escrito pelo diretor e por Jin Won Han, o filme é um dos mais fortes da temporada e também levou um Bafta pelo roteiro original.

 

 

 

Parasita – VENCEDOR
Entre Facas e Segredos
História de um Casamento
1917
Era Uma Vez em… Hollywood

 

 

 

 

 

 

 

 

Roteiro adaptado

Inspirado no livro Caging Skies, de Christine Leunens, o longa de Taika Waititi conta a história de Jojo, um garoto que, enquanto tem Hitler como seu amigo imaginário, precisa aprender a lidar com a adolescente judia que sua mãe está protegendo no sótão de sua casa. Essa é uma das seis indicações que o filme recebeu na premiação, incluindo Melhor Filme.

 

 

Jojo Rabbit – VENCEDOR
Coringa
Adoráveis Mulheres
Dois Papas
O Irlandês

 

 

 

 

 

Documentário 

Duplamente dirigido por Steven Bognar e Julia Reichert, o documentário que levou a estatueta para casa apresenta uma Ohio tentando lidar com o crescimento industrial – enquanto um chinês bilionário procura amplificar a região com sua própria empresa.

 

 

 

Indústria Americana – VENCEDOR
The Cave
Democracia em Vertigem
Honeyland
For Sama 

 

 

 

 

 

Animação 

Já o prêmio de animação foi para “Toy Story 4”, a quarta parte do primeiro longa-metragem lançado pelos estúdios Pixar. Mostrando bastante evolução na técnica de animação, – como o filme foi o único da Disney a concorrer na categoria.

 

 

Toy Story 4 – VENCEDOR
Como Treinar o Seu Dragão 3
Perdi Meu Corpo
Klaus
Link Perdido

 

 

 

Canção Original 

Com a única indicação da premiação, a cinebiografia musical de Elton John recebeu a estatueta por melhor música original. John subiu ao palco com Bernie Taupin, seu parceiro musical de longa data, para receber o prêmio.

 

 

(I’m Gonna) Love Me Again, Elton John por Rocketman – VENCEDOR
I Can’t Let You Throw Yourself Away
, por Toy Story 4
Into The Unknown, por Frozen 2
I’m Standing With You
, por Superação – O Milagre da Fé
Stand Up
, por Harriet

 

 

 

 

 

Fotografia 

Com 14 indicações para a categoria, o diretor de fotografia Roger Deakins recebeu a segunda estatueta por 1917. Embora tenha sido indicado quase todos os anos desde 1995, Deakins só recebeu o primeiro prêmio em 2018, por “Blade Runner 2049”.

 

 

1917 – VENCEDOR
O Irlandês
O Farol
Coringa
Era Uma Vez em… Hollywood 

 

 

 

 

Direção de arte 

Competindo com “1917”, “O Irlandês”, “Jojo Rabbit” e “Parasita”, o filme de Tarantino recebeu a estatueta por melhor design de produção e decoração no set de filmagem. Como o prêmio abrange duas áreas, ambas as onais Barbara Ling e Nancy Haigh foram premiadas.

 

 

Era Uma Vez em… Hollywood – VENCEDOR
1917
O Irlandês
Jojo Rabbit
Parasita

 

 

 

 

Trilha sonora original 

Responsável pela trilha sonora de “Coringa”, a musicista Hildur Guðnadóttir se destacou nas premiações e também recebeu um Globo de Ouro e um Bafta pelo seu trabalho.

 

 

Coringa – VENCEDOR
Adoráveis Mulheres
História de Um Casamento
1917

Star Wars: A Ascensão Skywalker

 

 

 

 

Figurino 

Embora sem indicação na categoria de Melhor Direção, o longa de Greta Gerwig, que retoma a história escrita por Louisa May Alcott com um toque moderno, recebeu o prêmio de melhor figurino. Esse é o segundo prêmio da categoria entregue para a figurinista Jaqueline Durran, que também ganhou em 2013, quando foi responsável pelas roupas do filme “Anna Karenina”.

 

 

Adoráveis Mulheres – VENCEDOR
O Irlandês
Jojo Rabbit
Era Uma Vez em… Hollywood
Coringa

 

 

 

 

 

Maquiagem e Penteado 

Com três indicações na noite, esse foi o único prêmio para “O Escândalo”, longa protagonizado por Charlize Theron, Margot Robbie e Nicole Kidman e que conta a história das denúncias de assédio contra Roger Ailes, ex-chefe do canal Fox News. Kazu Hiro, Anne Morgan e Vivian Baker receberam a estatueta pela maquiagem do filme, que foi muito elogiada – especialmente a semelhança de Theron com Megyn Kelly, jornalista e antiga âncora da Fox.

 

O Escândalo – VENCEDOR
Malévola: Dona do Mal
1917
Coringa
Judy: Muito Além do Arco-Íris

 

 

 

Efeitos Visuais

O terceiro prêmio de “1917” foi para Guillaume Rocheron, Greg Butler e Dominic Tuohy, os responsáveis pelos efeitos visuais do filme.

 

 

 

1917 – VENCEDOR
Vingadores: Ultimato
O Irlandês
O Rei Leão
Star Wars: A Ascensão Skywalker

 

 

 

 

 

 

Edição de som

Desbancando filmes como “Coringa” e “Parasita”, o segundo prêmio da noite para Ford v Ferrari foi de melhor edição. Essa é a primeira estatueta recebida pelos dois responsáveis pela edição, Michael McCusker e Andrew Buckland.

 

 

Ford Vs Ferrari – VENCEDOR
1917

Coringa
Star Wars: A Ascensão Skywalker
Era Uma Vez em… Hollywood

 

 

 

 

 

Mixagem de Som 

O segundo prêmio das categorias de som foi para 1917. Mark Taylor e Stuart Wilson, responsáveis pela edição de som, receberam as primeiras estatuetas da noite pelo filme.

 

 

1917 – VENCEDOR
Ad Astra 

Ford Vs Ferrari 
Coringa
Era Uma Vez em… Hollywood 

 

 

 

 

 

Montagem

O prêmio de melhor montagem foi para Ford vs Ferrari.

 

 

 

Ford vs Ferrari – VENCEDOR
O Irlandês
Jojo Rabbit
Coringa
Parasita

 

 

 

 

 

 

Animação em curta-metragem

Uma das animações da categoria que mais se popularizou, “Hair Love” mostra um pai afro-americano aprendendo a lidar com os pequenos problemas do cotidiano de sua filha, Zuri, como pentear o cabelo. O curta foi produzido pela Sony e dirigido por Matthew A. Cherry, Everett Downing Jr. e Bruce W. Smith.

 

 

 

Hair Love – VENCEDOR
Dcera (Daughter)
Kitbull
Memorable
Sister

 

 

 

 

 

Curta-metragem 

Escrito e dirigido por Marshall Curry, o documentário “The Neighbor’s Window” conta a história de um casal de meia-idade que precisam conciliar a vida profissional com a vida familiar, enquanto cuidam de três filhos. Enquanto observam a vida de seus vizinhos pela janela, eles decidem que estão vivendo de forma errada. Além do Oscar, o curta recebeu 12 prêmios em festivais regionais dos Estados Unidos.

 

 

 

The Neighbors’ Window – VENCEDOR
Brotherhood

Nefta Footbal Club
Saria
A Sister

 

 

 

 

Documentário de curta-metragem 

Dirigido por Carol Dysinger, o curta conta a história de jovens afegãs que estão tentando realizar ações comuns para meninas de sua idade – como ler, escrever e andar de skate – em Cabul, uma cidade em situação de guerra localizada no Afeganistão.

 

 

Learning to Skateboard in a Warzone (If You’re a Girl) – VENCEDOR
Lifeovertakesme
St. Louis Superman
Walk Run Cha-Cha
In the Absence

 

 

11 de fevereiro de 2020

Comentários no Facebook

Tv Photoshop

Sobre Escola de Fotografia Tv Photoshop

Com mais de 10 anos de Mercado a Tv Photoshop é uma iniciativa de seu CEO e Fundador Leandro Duarte que apaixonado por fotografia e amante incondicional do Photoshop e Lightroom

Quem está online

Não há usuários online neste momento
© Escola de Fotografia Tv Photoshop
X